Defesa da J&F diz que houve interpretação precipitada sobre áudio entregue à PGR

SÃO PAULO (Reuters) - A defesa dos executivos da J&F afirmou que houve "interpretação precipitada" da gravação entregue pelos executivos da companhia à procuradoria-Geral da República e que o assunto será esclarecido assim que o material for melhor examinado.

"O diálogo em questão é composto de meras elucubrações, sem qualquer respaldo fático", diz trecho do comunicado da J&F, controladora da JBS.

O comunicado veio após o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, determinar investigação para apurar indícios da prática de crimes omitidos por delatores da J&F em um áudio entregue pelo grupo, o que poderá levar à rescisão dos benefícios concedidos.

(Por Aluísio Alves)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos