Bolsas

Câmbio

Brent sobe com furacão Irma ofuscando recuperação após Harvey

NOVA YORK (Reuters) - Os futuros do petróleo fecharam sem direção única nesta quinta-feira, com Brent subindo para uma cotação máxima em mais de cinco meses, enquanto o petróleo dos EUA recuou devido ao aumento dos estoques de petróleo maior do que o esperado, já que o reinício das operações de refino dos EUA após o furacão Harvey foi contido pela ameaça do furacão Irma.

O Brent subiu 0,29 dólar, ou 0,5 por cento, a 54,49 dólares o barril, maior patamar de fechamento pelo segundo dia consecutivo desde 18 de abril.

O petróleo nos Estados Unidos recuou 0,07 dólar, ou 0,1 por cento, a 49,09 dólares por barril.

A Administração de Informação de Energia (EIA) dos EUA divulgou nesta quinta-feira que os estoques semanais de petróleo dos EUA aumentaram em 4,6 milhões de barris na semana passada, superando a previsão de analistas de aumento de 4,0 milhões de barris em uma pesquisa da Reuters.

Refletindo o impacto de Harvey que atingiu a Costa do Golfo em 25 de agosto, a EIA disse que o nível de utilização de refinarias de petróleo dos EUA caiu 16,9 pontos percentuais para 79,7 por cento na semana passada, a menor taxa desde 2010.

As taxas de utilização da Costa do Golfo dos EUA caíram para 63,4 por cento, as mais baixas desde que a EIA começou a coletar os dados em 2010.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos