Bolsas

Câmbio

Eletropaulo firma memorando com Eletrobras tentando encerrar processo judicial

SÃO PAULO (Reuters) - A Eletropaulo e a Eletrobras assinaram um memorando de entendimentos para estabelecer critérios para um procedimento de mediação para negociar as bases de um eventual acordo visando encerrar uma disputa judicial bilionária, segundo comunicados das emmpresas divulgados nesta quarta-feira.

A dívida tem origem em um empréstimo feito pela Eletrobras à Eletropaulo em 1986, quando a distribuidora ainda era estatal.

Anteriormente, a AES Eletropaulo apontou que, em caso de derrota, estaria sujeita ao pagamento de quase 2 bilhões de reais à estatal federal.

"Não obstante os assessores legais da companhia (Eletropaulo) manterem inalteradas as chances de êxito do caso --classificadas como possível-- a companhia entende que ao encerrar a disputa judicial contra a Eletrobras estará contribuindo para sua estratégia de recuperação de valor", disse a companhia em nota.

No âmbito do memorando, as empresas solicitarão a suspensão do processo judicial pelo prazo de 60 dias a contar da data do despacho do juiz que assentir com o pedido, com o objetivo de concluírem, durante este período, o processo de mediação.

A Eletropaulo ressaltou que a assinatura do memorando não produz qualquer impacto imediato em seus resultados.

(Por Roberto Samora)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos