Bolsas

Câmbio

Saúde e tecnologia pressiona mercado, Credit Suisse tem alta

Por Sujata Rao e Kit Rees

LONDRES (Reuters) - Quedas nas ações de saúde e tecnologia pressionaram os mercados acionários europeus nesta quinta-feira (2) após a redução de perspectiva da Coloplast, embora resultados acima das expectativas de Credit Suisse e Danske Bank tenham limitado as perdas.

O índice FTSEurofirst 300 caiu 0,36%, a 1.554 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 perdeu 0,46%, a 395 pontos, depois de ter aberto perto da máxima de dois anos.

Os resultados pesaram sobre os mercados, liderados pela queda de 11,8 por cento da Coloplast.

A fabricante dinamarquesa de produtos de saúde recuou após sua nova estratégia ter decepcionado o mercado e ela ter reduzido sua perspectiva.

Já a empresa de tecnolgia de apostas Playtech perdeu 22% depois de um alerta de lucro por causa da desaceleração em partes da Ásia e problemas com um contrato de bingo.

Por outro lado o setor financeiro deu o tom positivo. As ações do banco suíço Credit Suisse subiram 4,5% após ele divulgar receita mais forte que o esperado.

"Esses resultados confirmam a história do virada do CS", disseram analisas da corretora KBW.

Já o dinamarquês Danske Bank avançou 2,8% depois de divulgar receita líquida acima das estimativas.

  • Inglaterra: +0,9%
  • Alemanha: -0,18%
  • França: -0,07%
  • Itália: +0,24%
  • Espanha: -0,47%
  • Portugal: +0,15%

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos