Bolsas

Câmbio

Anec vê resultados ruins no setor de grãos apesar de exportações recordes no país

SÃO PAULO (Reuters) - As empresas operadoras de grãos no Brasil poderão registrar o pior ano da década em 2017 em termos financeiros, apesar de recordes nos volumes exportados, disse nesta quinta-feira o presidente da Associação Nacional dos Exportadores de Cereais (Anec), Luís Barbieri, em um evento em São Paulo.

O cenário, segundo Barbieri, aponta para uma necessidade de o setor de melhorar a gestão de riscos para lidar com grandes safras, que pressionam margens. Questionado por jornalistas, o presidente da Anec evitou, entretanto, elaborar os comentários feitos para uma plateia de operadores do setor, dizendo que sua fala buscou fazer as pessoas repensarem.

"Temos que repensar o que estamos fazendo, porque está insustentável", disse Barbieri, acrescentando que os "resultados das empresas associadas da Anec talvez sejam os piores da década". Ele qualificou de "desastrosos" os resultados deste ano.

Entre os associados da Anec estão gigantes do agronegócio como ADM, Cargill, Louis Dreyfus, Amaggi, entre outras.

(Por Roberto Samora)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos