Bolsas

Câmbio

Mercados acionários da China se recuperam com setores de consumo e de matérias-primas

XANGAI (Reuters) - Os mercados acionários da China reverteram as perdas registradas mais cedo na sessão e terminaram esta terça-feira em alta, liderados pelo avanço nas empresas de consumo e de matérias-primas, com os investidores buscando barganhas após recuos recentes.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, avançou 0,15 por cento, enquanto o índice de Xangai teve alta de 0,34 por cento.

O desempenho dos setores foi misto. O de consumo e o de empresas de matérias-primas lideraram a alta, enquanto os bancos e as ações do setor imobiliário ampliaram as quedas.

A confiança dos investidores na China tem sido afetada pelo aumento dos rendimentos dos títulos conforme Pequim intensifica a repressão às operações bancárias paralelas e a outras formas de financiamento arriscado. Custos de empréstimos mais altos ameaçam restringir os lucros das empresas.

Mesmo assim, o índice CSI300 acumula alta de 22 por cento neste ano.

Já o índice MSCI, que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão, tinha alta de 0,12 por cento às 7:28 (horário de Brasília).

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 0,04 por cento, a 22.486 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 0,02 por cento, a 29.680 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 0,34 por cento, a 3.333 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, avançou 0,15 por cento, a 4.055 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve valorização de 0,25 por cento, a 2.514 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou baixa de 0,41 por cento, a 10.707 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES valorizou-se 0,17 por cento, a 3.442 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 recuou 0,08 por cento, a 5.984 pontos.

(Por Swati Pandey, Luoyan Liu e John Ruwitch)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos