ipca
-0,09 Ago.2018
selic
6,5 19.Set.2018
Topo

Mais senadores dos EUA hesitam com aproximação da votação da reforma tributária nos EUA

15/12/2017 08h17

WASHINGTON (Reuters) - A tentativa do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de aprovar uma ampla proposta de reforma tributária republicana no Congresso do país atingiu potenciais obstáculos na quinta-feira já que mais dois senadores republicanos insistiram em mudanças, juntando-se a uma lista de legisladores cujo apoio é incerto.

Marco Rubio, ex-candidato presidencial da Flórida, disse a repórteres que, se a proposta de restituição aos contribuintes do crédito fiscal infantil não for expandida, "eu digo não... Ela deve ser superior a 1,1 mil dólares."

O crédito fiscal infantil que está agora no código tributário dos EUA é destinado a reduzir as contas de impostos de famílias trabalhadoras com filhos.

Rubio e Mike Lee, de Utah, estão em negociações com outros senadores sobre a expansão da restituição do crédito fiscal infantil, disse o porta-voz de Lee, Conn Carroll. Lee está agora "indeciso sobre a proposta de reforma tributária como está redigida atualmente", disse Carroll em uma entrevista por telefone.

Da maneira como tem evoluído, o pacote tributário republicado se volta cada vez mais para beneficiar as empresas e os contribuintes mais ricos, uma tendência que assessores dizem ser uma preocupação crescente para alguns parlamentares.

(Por Richard Cowan e David Morgan)

Mais Economia