Bolsas

Câmbio

Reino Unido pode precisar ampliar arrecadação com impostos para equilibrar déficit, diz FMI

LONDRES (Reuters) - O Reino Unido pode precisar arrecadar mais dinheiro com impostos para reduzir seu déficit orçamentário depois de depender fortemente de um controle rígido dos gastos públicos, disse o Fundo Monetário Internacional nesta quarta-feira.

"A redução do déficit desde a crise financeira baseou-se principalmente em medidas de gastos", informou o FMI em um relatório anual sobre a economia britânica.

"Embora o governo deva continuar buscando o melhor valor para as despesas públicas, uma abordagem mais equilibrada para a redução do déficit pode ser necessária no futuro", afirmou.

O impacto do Brexit sobre a economia e o baixo crescimento da produtividade britânica podem afetar as receitas tributárias, enquanto as demandas com gastos públicos devem aumentar à medida que a população do país envelhece.

"Nestas circunstâncias, uma maior dependência das medidas de receita para a consolidação (do orçamento) ante os últimos anos pode ser justificada", informou o relatório.

O FMI também parabenizou os progressos recentes nas negociações do Brexit com Bruxelas, mas disse que o prazo para negociar um novo acordo comercial é ambicioso.

(Por Andy Bruce)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos