ipca
-0,09 Ago.2018
selic
6,5 19.Set.2018
Topo

Preço do petróleo nos EUA atinge US$60 pela 1ª vez desde meados de 2015

26/12/2017 18h59

NOVA YORK (Reuters) - Os preços do petróleo subiram nesta terça-feira para máximas de dois anos e meio nos Estados Unidos e tocaram o patamar de 60 dólares, impulsionados por notícias de uma explosão em um oleoduto na Líbia, bem como por cortes de produção voluntários liderados pela Opep.

Homens armados explodiram um oleoduto que transportava petróleo ao porto de Es Sider nesta terça-feira, cortando a produção de petróleo da Líbia em até 100 mil barris por dia, segundo fontes do mercado de petróleo e militares.

A estatal National Oil Corporation (NOC) disse em nota que a produção havia sido reduzida entre 70 mil barris e 100 mil barris por dia. A causa da explosão não estava clara, acrescentou.

A produção do país norte-africano estava se recuperando nos últimos meses após ficar limitada durante anos em meio ao conflito armado e tensões.

O petróleo Brent, a referência internacional para os preços do petróleo, encerrou a 67,02 dólares por barril, alta de 1,77 dólar ou 2,71 por cento. Durante a sessão, os preços tocaram uma máxima de 67,10 dólares por barril, seu maior nível desde meados de maio de 2015.

O petróleo dos EUA subiu 1,50 dólar, ou 2,6 por cento, e encerrou a 59,97 dólares por barril, após tocar a máxima da sessão a 60,01 dólares, maior nível desde fim de junho de 2015.

(Por Devika Krishna Kumar; reportagem adicional de Alex Lawler e Henning Gloystein)

Mais Economia