Bolsas

Câmbio

Pesquisa indica que franceses estão mais otimistas sob comando de Macron

PARIS (Reuters) - Os franceses se tornaram mais otimistas sobre o futuro do que em qualquer período nos últimos oito anos, indicou uma pesquisa nesta terça-feira, desmentindo a reputação nacional de uma nação de pessimistas.

Segundo pesquisa da Harris Interactive para a rádio RTL, 59 por cento dos franceses estavam mais otimistas para 2018, o nível mais alto desde 2010 e 15 pontos acima de 2012.

    Apoiadores do partido do presidente Emmanuel Macron eram os mais otimistas, indicou a pesquisa, enquanto os da Frente Nacional, da extrema-direita, eram os mais pessimistas.

    "Há provavelmente um pouco de um efeito Macron", disse o chefe de pesquisas políticas da Harris, Jean-Daniel Levy, apontando para uma renovada esperança de integração europeia, uma das prioridades políticas de Macron.

    "Há em especial um sentimento de ter uma presidência que se levanta, com boas perspectivas no âmbito econômico", disse à Reuters.

    "Não é somente o fim dos anos Hollande", acrescentou Levy, se referindo ao amplo senso de desconforto que marcou o período de 2012 a 2017 do antecessor de Macron, o socialista François Hollande. "Os franceses escutam muito sobre um panorama melhor para crescimento, para empregos. Há sinais que mostram que a França está menos deprimida".

    (Reportagem de Michel Rose)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos