Bolsas

Câmbio

IPC-Fipe acelera alta a 0,55% em dezembro e fecha 2017 com avanço de 2,27%

Camila Moreira

  • Stefan Wermuth/Reuters

SÃO PAULO (Reuters) - O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) de São Paulo fechou dezembro com avanço de 0,55%, acumulando alta de 2,27% em 2017, com destaque para a deflação dos preços de alimentos, informou a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) nesta sexta-feira (5).

Economistas consultados pela Reuters previam que o indicador registraria inflação de 0,45% em dezembro. Em 2016, o IPC-Fipe havia acumulado alta de 6,54%.

No ano passado, os preços de Alimentação registraram queda de 2,01%, enquanto a categoria de Vestuário teve deflação de 1,18%.

Por outro lado, a maior alta de preços foi vista no setor de Saúde, de 8,55%, seguida pelo avanço de 7,94% de Educação. Por sua vez os preços de Habitação subiram 3,18% e os de Transporte avançaram 4,43%.

Já a leitura de dezembro mostrou maior pressão ante o avanço de 0,29% de novembro, com destaque no mês para a alta de 0,73% nos preços de Habitação.

O IPC-Fipe mede as variações quadrissemanais dos preços às famílias paulistanas com renda mensal entre um e dez salários mínimos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos