Bolsas

Câmbio

Cemig prepara troca na cúpula e CEO da Light deve assumir comando, dizem fontes

Por Luciano Costa

SÃO PAULO (Reuters) - A estatal mineira Cemig passará por mudanças no comando, e o atual presidente de sua controlada Light , Luís Fernando Paroli, deverá ser o indicado pelo governo de Minas Gerais para assumir o cargo de CEO na companhia, disseram à Reuters quatro fontes com conhecimento do assunto.

O movimento tem como objetivo acelerar o andamento de um ambicioso plano de desinvestimentos da companhia, que não tem andado no ritmo desejado sob a atual gestão, disseram as fontes, que falaram sob a condição de anonimato porque o assunto ainda não é discutido em público.

A Reuters publicou no final de setembro que o governo mineiro decidiu substituir o atual presidente da Cemig, Bernardo Salomão Alvarenga. Na época, a previsão era de que a mudança ocorresse ainda em 2017. [nL2N1MA295]

Agora a expectativa é de que a substituição seja efetivada em meados de fevereiro ou março, segundo duas das fontes.

"O governador vai colocar o Paroli... Ele tem se demonstrado um executivo com muita habilidade na Light", disse uma das fontes.

"Existe uma necessidade de troca no comando devido à fraca atuação da companhia nos desinvestimentos. O governador (Fernando Pimentel, do PT) entende que ele (Paroli) talvez consiga acelerar esse processo", disse uma segunda fonte.

Procurada, a Cemig disse que "não comenta boatos de mercado".

Bernardo Salomão Alvarenga foi nomeado presidente executivo da Cemig em 21 de dezembro de 2016, em substituição a Mauro Borges.

Em sua gestão, a companhia aprovou um plano de desinvestimentos para reduzir seu enorme endividamento --em setembro de 2017 a dívida líquida somava 12,8 bilhões de reais.

Os ativos colocados à venda pela empresa mineira somam cerca de 8 bilhões de reais, mas até o momento houve poucos avanços, com a negociação apenas de uma fatia na controlada Taesa , por 772 milhões de reais, e de participações em pequenas empresas de transmissão. [nL1N1NU161] [nL1N1JY1VO][nE6N1JG00F]

Ex-diretor de Furnas, da Eletrobras e da própria Cemig, Paroli assumiu o comando da Light em junho de 2017, após a então presidente Ana Marta Horta Veloso renunciar ao cargo. [nL1N1JO26J]

(Edição de José Roberto Gomes e Marta Nogueira)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos