Bolsas

Câmbio

BP tem salto nos lucros com petroleiras deixando crise para trás

Por Ron Bousso

LONDRES (Reuters) - Os lucros da petroleira BP mais que dobraram em 2017, para 6,2 bilhões de dólares, ante 2,6 bilhões em 2016, impulsionados por maiores preços e expansão na produção de petróleo e gás, o que permite à companhia voltar à recompra de ações enquanto se recupera de três anos de crise no setor de petróleo.

A companhia, listada em Londres, viu uma das maiores altas em sua produção na história no ano passado, ao levar sua produção a níveis não vistos desde um vazamento de petróleo da plataforma Deepwater Horizon em 2010, no Golfo do México dos Estados Unidos.

E a produção deve seguir crescendo até o final da década, devido a mais campos em que os trabalhos foram iniciados neste ano.

A BP geraria lucros em 2018 mesmo com um preço do petróleo de 50 dólares o barril, disse à Reuters o diretor financeiro, Brian Gilvary, após anos de cortes de custos e à medida que a empresa lentamente se recupera de 65 bilhões de dólares em multas e custos de limpeza após o vazamento de 2010.

A BP foi a primeira entre suas rivais europeias a retomar recompras de ações, no quatro trimestre de 2017, após anos de austeridade em meio à derrocada das cotações do petróleo que impactou a indústria.

Com uma recuperação de 20 por cento nos preços no último trimestre de 2017, para 61 dólares o barril, a BP teve um excesso de caixa que a permitiu recomprar 343 milhões de dólares em ações no quatro trimestre.

"2017 foi um dos anos mais fortes na história recente da BP", disse o presidente da companhia, Bob Dudley, em comunicado. "Nós entramos no segundo ano de nosso plano quinquenal com um sentimento positivo e confiança crescente de que podemos continuar a entregar crescimento", disse.

A produção da BP no ano subiu 12 por cento, para 2,47 milhões de barris por dia (bpd), após a BP inaugurar sete novos campos de óleo e gás em 2017, um recorde.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos