Bolsas

Câmbio

Wall Street despenca de novo e S&P e Dow confirmam correção

Por Lewis Krauskopf

NOVA YORK (Reuters) - Os mercados acionários dos Estados Unidos desabaram novamente nesta quinta-feira, em outra sessão com grande movimentação, em que ações permaneceram em um cabo de guerra com os rendimentos de títulos, volatilidade continuou alta e investidores não conseguiram ver o piso do mercado à frente.

O S&P 500 e o Dow Jones confirmaram estar em território de correção, ambos caindo mais de 10 por cento em relação às suas máximas de 26 de janeiro. O S&P 500 recuou 3,8 por cento na quinta-feira, enquanto o Dow caiu 4,2 por cento, com o recuo acelerando no fim do pregão.

A quinta-feira marcou outro dia de movimentações agudas de sessões recentes, incluindo a maior queda do S&P 500 em mais de seis anos, que retirou das ações suas máximas recordes.

"A poeira ainda não baixou e acho que alguns compradores e vendedores estão tentando descobrir o que este mercado realmente quer fazer", disse Jonathan Corpina, sócio sênior da Meridian Equity Partners.

O índice Dow Jones caiu 4,15 por cento, a 23.860 pontos, enquanto o S&P 500 perdeu 3,75 por cento, a 2.581 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq  recuou 3,9 por cento, a 6.777 pontos.

(Reportagem adicional de Chuck Mikolajczak e Sinead Carew em Nova York e Tanya Agrawal em Bangalore)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos