Bolsas

Câmbio

Dow Jones e S&P caem motivadas por tarifas enquanto tecnologia impulsiona Nasdaq

Por April Joyner

NOVA YORK (Reuters) - O índice S&P 500 e o Dow Jones caíram nesta segunda-feira, à medida que as tarifas dos Estados Unidos aprovadas na semana passada pelo presidente Donald Trump pesavam no setor industrial, embora os ganhos das ações de tecnologia tenham impulsionado o Nasdaq.

O Dow Jones caiu 0,62 por cento, a 25.178 pontos, o S&P 500 teve uma queda de 0,13 por cento, a 2.783, e o Nasdaq avançou 0,36 por cento, a 7.588.

As ações de empresas como a Boeing , que caiu 2,9 por cento e a Caterpillar, que fechou em baixa de 2,4 por cento, sofreram pressão já que a posição protecionista de Trump sobre as importações de aço e alumínio poderia aumentar custos e dificultar vendas no exterior. A Boeing e a Caterpillar foram as ações ligadas ao Dow que mais caíram.

Trump na semana passada suavizou sua posição sobre as tarifas ao isentar o Canadá e o México, e negociações estão em andamento com a União Européia e o Japão, que também buscam isenções.

"As grandes multinacionais, as empresas industriais do mundo estão sofrendo com a preocupação de que serão alvo de sanções de represália", disse Robert Phipps, diretor da Per Stirling Capital Management.

As preocupações com possíveis consequências das tarifas suplantaram o otimismo, baseado em números modestos de crescimento salarial do relatório de empregos desta sexta-feira, de que o Federal Reserve, banco central dos Estados Unidos, se ateria aos três aumentos previstos de taxas de juros em 2018.

Por April Joyner

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos