Bolsas

Câmbio

Ri Happy adia IPO, diz fonte

Por Carolina Mandl

SÃO PAULO (Reuters) - A varejista de brinquedos Ri Happy decidiu adiar sua oferta pública inicial devido à fraca demanda de investidores, afirmou uma fonte familiarizada com o assunto.

A Ri Happy, que é totalmente controlada pela norte-americana Carlyle Group, esperava uma valorização de até 1,7 bilhão de reais no IPO, que estava programado para ser precificado na terça-feira. As ações estavam previstas para estrear na bolsa de valores de São Paulo na quinta-feira.

A decisão de adiar o IPO foi tomada na sexta-feira e ocorreu após reuniões recentes nas quais os investidores expressaram falta de interesse em concordar com a avaliação esperada pela Ri Happy.

O anúncio da varejista norte-americana de brinquedos Toys R US de que fecharia suas lojas depois de pedir proteção contra falência em setembro ainda ofuscou a situação.

A Ri Happy não comentou o assunto nesta segunda-feira e a Carlyle não se manifestou de imediato.

(Por Carolina Mandl)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos