ipca
-0,09 Ago.2018
selic
6,5 19.Set.2018
Topo

Vale aprova nova política de dividendos atrelada a Ebitda e investimento corrente

Luciano Costa

29/03/2018 19h40

SÃO PAULO (Reuters) - A mineradora Vale informou que seu conselho de administração aprovou nesta quinta-feira (29) uma nova política de remuneração aos acionistas, que entra em vigor a partir da publicação do resultado do primeiro semestre, segundo fato relevante.

De acordo com a companhia, a remuneração ao acionista será composta por duas parcelas semestrais, a primeira em setembro do ano corrente e a segunda em março do ano subsequente.

Leia também:

O valor do dividendo será de 30% da geração de caixa medida pelo lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) menos investimento corrente, apurados no resultado do primeiro semestre, para a parcela de setembro, e no resultado do segundo semestre, para a parcela de março.

"A política foi elaborada com o intuito de ser, ao mesmo tempo, agressiva e sustentável por um longo período de tempo, podendo ser aplicada em qualquer cenário de preço, permitindo ainda, previsibilidade das datas de pagamentos e do montante a ser distribuído", disse a Vale no comunicado.

O conselho de administração ainda poderá deliberar sobre remuneração adicional, via distribuição de dividendos extraordinários.

O colegiado também poderá declarar juros sobre o capital próprio no mês de dezembro a cada ano, para pagamento em março do ano seguinte. Nesse caso, os valores serão reduzidos da parcela de março dos dividendos, adicionou a mineradora.

Mais Economia