Bolsas

Câmbio

Leilão de energia no Brasil vê preço de usinas eólicas e solares cair a nível recorde

SÃO PAULO (Reuters) - Um leilão para a contratação de novos projetos de energia no Brasil nesta quarta-feira, ainda em andamento, já registra os mais baixos preços já registrados para a compra da produção futura de novas usinas eólicas e solares, segundo informações da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), responsável por operar as licitações públicas.

O chamado leilão de energia A-4 tem como objetivo contratar novos projetos de geração para início das operações a partir de janeiro de 2022.

Investidores interessados em construir projetos eólicos já apresentavam propostas, por volta das 10h30, para vender a energia de suas usinas a 69,90 reais por megawatt-hora, ante um recorde anterior de quase 97 reais, em dezembro passado. Já as usinas solares tinham preço corrente de 131,50 reais, contra 143,50 reais antes, também atingidos em pregão de 2017.

(Por Luciano Costa)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos