Bolsas

Câmbio

Principal índice acionário da China tem fraqueza com investidores avaliando disputa comercial

Por Wayne Cole

XANGAI (Reuters) - O principal índice acionário da China mostrou fraqueza nesta segunda-feira, com os investidores avaliando os acontecimentos na disputa comercial entre China e Estados Unidos.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, perdeu 0,03 por cento, enquanto o índice de Xangai teve alta de 0,26 por cento.

O presidente dos EUA, Donald Trump, previu no domingo que a China vai retirar suas barreiras comerciais, e expressou otimismo apesar da escalada das tensões entre as duas maiores economias do mundo.

Os atritos comerciais da China com os EUA não terão um grande impacto sobre a economia chinesa, de acordo com um pesquisador estatal nesta segunda-feira.

No restante da região, as ações avançaram uma vez que os ganhos nos mercados dos EUA aliviaram o sentimento diante da tensão comercial.

A notícia de que a Coreia do Norte disse aos EUA que está preparada para discutir a desnuclearização quando os líderes dos países se encontrarem também ajudava.

O índice MSCI, que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão, tinha alta de 0,56 por cento às 7:48 (horário de Brasília).

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 0,51 por cento, a 21.678 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 1,29 por cento, a 30.229 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 0,26 por cento, a 3.139 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 0,03 por cento, a 3.853 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve valorização de 0,60 por cento, a 2.444 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou alta de 0,67 por cento, a 10.893 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES valorizou-se 0,22 por cento, a 3.449 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 avançou 0,35 por cento, a 5.808 pontos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos