Bolsas

Câmbio

Hypera diz que colabora com investigações da PF e não se beneficiou de atos de ex-executivo

SÃO PAULO (Reuters) - O grupo farmacêutico Hypera informou nesta terça-feira que está colaborando com as investigações da Polícia Federal e não se beneficiou de quaisquer atos praticados pelo ex-executivo Nelson José de Melo.

O comunicado surge após a Hypera confirmar mais cedo que a sede do seu escritório é alvo de trabalhos de busca e apreensão pela Polícia Federal, como parte da operação Tira-Teima.

Em fato relevante, a companhia disse que uma auditoria por assessores externos concluiu que o ex-executivo autorizou despesas, por iniciativa própria, sem devidas comprovações da prestação de serviço e que já foi ressarcida dos prejuízos sofridos.

(Por Gabriela Mello)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos