Bolsas

Câmbio

PF cumpre busca e apreensão em inquérito sobre presidente do Senado, diz fonte

BRASÍLIA (Reuters) - A Polícia Federal cumpre nesta terça-feira mandados de busca e apreensão autorizados pelo ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), em um inquérito que investiga o presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), embora o parlamentar não seja alvo direto da operação desta terça, que mira em pessoas relacionadas a ele, disse uma fonte da PF.

A operação, batizada de Tira-Teima, se baseia na delação premiada do ex-diretor da empresa Hypermarcas --atual Hypera Pharma -- Nelson José de Mello, acrescentou a fonte. Eunício é alvo de inquérito no Supremo por suspeita de corrupção e lavagem de dinheiro e é no âmbito desta investigação que se dá a Tira-Teima, acrescentou a fonte.

Segundo nota divulgada pela PF, que não dá detalhes sobre os alvos da investigação, 40 policiais federais cumprem oito mandados de busca e apreensão em São Paulo, Goiânia e Fortaleza, A nota diz ainda que a Tira-Teima apura um esquema de pagamentos de vantagens indevidos de um grupo empresarial a políticos.

"A finalidade das medidas é o buscar documentos e outros elementos de aprofundamento da investigação, considerando a notícia de doações de campanha abalizadas através de contratos fictícios", informou a PF na nota.

Em nota, a Hypera afirmou que o escritório da empresa em São Paulo era alvo de mandados de busca e apreensão com o objetivo de "colher documentos relacionados à colaboração do ex-diretor de Relações Institucionais da Companhia, Nelson Mello".

"A companhia reitera que não é alvo de nenhum procedimento investigativo, nem se beneficiou de quaisquer atos praticados isoladamente pelo ex-executivo, conforme já relatado ao longo do ano de 2016 em vários comunicados", acrescentou a Hypera no comunicado. As ações da companhia recuavam 4,25 por cento às 10h45, enquanto o principal índice da bolsa paulista Ibovespa subia 0,16 por cento.

Procurada, a assessoria do presidente do Senado não respondeu imediatamente aos pedidos de comentários.

(Reportagem Redação Brasília, com reportagem adicional de Eduardo Simões, em São Paulo)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos