Bolsas

Câmbio

Guardia pede que Congresso Nacional apoie agenda econômica do governo

BRASÍLIA (Reuters) - O novo ministro da Fazenda, Eduardo Guardia, afirmou nesta quarta-feira que sua gestão será pautada pelo "compromisso absoluto com disciplina fiscal" e já fez apelo para que o Congresso Nacional trabalhe na agenda econômica.

"Tenho convicção que o Congresso Nacional continuará a suportar a agenda de reformas em favor do crescimento econômico", afirmou ele em discurso na cerimônia de transmissão de cargo, que contou com a presença do seu antecessor, Henrique Meirelles.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos