ipca
-0,09 Ago.2018
selic
6,5 19.Set.2018
Topo

Moody's e Fitch vêem impacto limitado das tarifas dos EUA na economia chinesa

11/04/2018 09h43

(Reuters) - As agências globais de classificação de risco Moody's Investors Service e Fitch Ratings disseram nesta quarta-feira que as tarifas propostas pelos Estados Unidos terão impacto direto limitado sobre a economia chinesa e que uma solução negociada é mais provável.

O presidente chinês, Xi Jinping, prometeu na terça-feira abrir ainda mais a economia e reduzir as tarifas sobre produtos, incluindo carros, em um discurso visto como uma conciliação em meio a crescentes tensões comerciais entre as duas principais economias.

A Moody's disse que espera que os EUA e a China evitem uma escalada significativa em suas disputas comerciais, devido ao impacto negativo que as restrições terão nas duas economias.

"O comércio teve uma contribuição menor para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) da China nos últimos anos e, combinado com uma estrutura comercial em transformação, a vulnerabilidade direta da China a potenciais choques comerciais diminuiu", disse a Moody's em um relatório.

Na semana passada, Washington ameaçou a China com tarifas sobre 50 bilhões de dólares em produtos chineses com o objetivo de fazer Pequim lidar com o que Washington diz ser roubo de propriedade intelectual e transferência forçada de tecnologia de empresas dos EUA para concorrentes chineses.

"As medidas comerciais atualmente implementadas dos EUA afetarão apenas uma porção relativamente pequena das exportações chinesas para os EUA, e esperamos que elas tenham um efeito direto, mas contido, sobre a economia da China", disse a Moody's.

A Fitch disse que uma guerra comercial entre os países pode criar riscos para as empresas na região da Ásia-Pacífico.

O presidente dos EUA, Donald Trump, criticou a China na segunda-feira por manter tarifas de importação de automóveis de 25 por cento, contra 2,5 por cento dos EUA, e chamando tal relação com a China não de livre comércio, mas de "comércio estúpido".

(Por Kanishka Singh)

(Reuters) - As agências globais de classificação de risco Moody's Investors Service e Fitch Ratings disseram nesta quarta-feira que as tarifas propostas pelos Estados Unidos terão impacto direto limitado sobre a economia chinesa e que uma","image":"","date":"11/04/2018 09h47","kicker":"Reuters"}}' cp-area='{"xs-sm":"49.88px","md-lg":"33.88px"}' config-name="economia/economia">

Mais Economia