Bolsas

Câmbio

Filial chilena da Latam retomará operação normal na quinta-feira, diz grupo

SANTIAGO (Reuters) - A Lan Express, subsidiária chilena da Latam Airlines, retomará suas operações normais a partir da próxima quinta-feira, depois que a maioria dos trabalhadores sindicalizados da unidade encerrar formalmente uma greve, informou o grupo no sábado.

A Latam, maior grupo de transporte aéreo da América Latina, disse na véspera que não poderia dar por encerrada a paralisação porque a maneira pela qual o sindicato de 840 membros havia decidido pôr fim ao movimento não se ajustava à legislação vigente no Chile.

"Já foram reintegrados mais de 750 tripulantes de cabine, membros do sindicato da LAN Express", disse a Latam à Reuters. "A partir de quinta-feira, 3 de maio, a operação estará funcionando normalmente."

A paralisação na unidade, que durou quase 20 dias, forçou a empresa a cancelar cerca de 2 mil voos no Chile e algumas rotas regionais até 2 de maio, afetando cerca de 350 mil passageiros.

A Latam, com sede em Santiago, opera unidades na Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai e Peru.

(Reportagem de Felipe Iturrieta)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos