ipca
0,48 Set.2018
selic
6,5 19.Set.2018
Topo

Mercado acionário europeu tem maior sequência de altas semanais em 3 anos

11/05/2018 14h01

Por Kit Rees

LONDRES (Reuters) - As bolsas europeias alcançaram a maior sequência de altas semanais em mais de três anos nesta sexta-feira, com a atividade de fusões e aquisições somando-se à movimentada temporada de resultados corporativos.

O índice FTSEurofirst 300 subiu 0,09 por cento, a 1.539 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 ganhou 0,11 por cento, a 392 pontos.

O STOXX atingiu sua sétima semana consecutiva de ganhos, a mais longa sequência de altas desde março de 2015.

As ações da Sika subiram 8,3 por cento, liderando o índice pan-europeu, depois que a empresa suíça de produtos químicos chegou a um acordo com a Saint-Gobain para encerrar uma disputa legal de longa data.

A Saint-Gobain, cujas ações avançaram 2,7 por cento, assumirá uma grande participação na Sika, mas não o controle majoritário.

Enquanto a temporada de resultados do primeiro trimestre caminha para o fim na Europa, o setor de recursos básicos teve o melhor desempenho depois de as ações da ArcelorMittal ganharem 2,3 por cento. A maior siderúrgica do mundo superou as previsões de lucros e deu uma perspectiva otimista para 2018.

Os resultados corporativos impulsionaram as ações dos bancos italianos. O retorno ao lucro do problemático banco Monte dei Paschi di Siena fez suas ações saltarem 17,7 por cento e ampliou os sinais de uma tentativa de recuperação entre bancos italianos nesta sexta-feira.

"O elemento surpresa no lucro - que fez você pensar que estamos em um ponto de virada - foram as perdas abaixo do esperado em empréstimos", disse Pietropaolo Rinaldi, gerente de fundos da Anthilia Capital Partners.

Embora o setor bancário da Itália esteja sob pressão recentemente devido ao nervosismo político, o setor subiu mais de 13,7 por cento este ano, enquanto o índice FTSE MIB ganhou 10,5 por cento.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,31 por cento, a 7.724 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,17 por cento, a 13.001 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 0,07 por cento, a 5.541 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 0,52 por cento, a 24.159 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 0,24 por cento, a 1.271 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,98 por cento, a 5.613 pontos.

Newsletters

Receba dicas para investir e fazer o seu dinheiro render.

Quero receber

Mais Economia