Bolsas

Câmbio

Possível oferta de chinesa por EDP seria positiva para EDP Brasil, diz Itaú

SÃO PAULO (Reuters) - Uma eventual oferta da chinesa Three Gorges para a aquisição da elétrica europeia Energias de Portugal (EDP) teria impacto positivo também para a unidade da empresa no país, a EDP Brasil, disse um analista do Itaú BBA em nota a clientes nesta sexta-feira.

A notícia sobre uma possível oferta pública (OPA) da CTG pela EDP, na qual empresa chinesa já é acionista, foi publicada primeiro pelo jornal português Expresso.

Após a reportagem, a Comissão de Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), reguladora do mercado em Portugal, suspendeu a negociação de ações da empresa e da EDP Renováveis, embora sem citar os motivos.

"Há um potencial efeito positivo que transbordaria para a EDP Brasil. Alguns clientes perguntaram se isso dispararia os direitos de 'tag-along' (oferta aos minoritários) ou não para EDP Brasil. Nós acreditamos que sim... de qualquer maneira, estamos ainda checando essa informação", escreveu o analista Pedro Manfredini.

Procurada, a EDP Brasil disse que "não comenta especulações de mercado".

As ações da EDP Brasil chegaram a subir até 12,5 por cento após a publicação da reportagem na imprensa. Às 16:13, operavam em alta de 10,3 por cento, contra queda de 0,59 por cento do Ibovespa e recuo de 0,67 por cento no índice de energia elétrica da bolsa paulista.

Assim como a EDP, a CTG também tem uma operação relevante no Brasil, onde protagonizou aquisições de grande porte no setor de geração de energia nos últimos anos e passou a figurar entre os maiores agentes da indústria.

Uma possível fusão das operações da CTG no Brasil com as da EDP Brasil poderia tornar a companhia líder privada em geração no país, ultrapassando a francesa Engie.

A EDP Brasil tem 2,8 gigawatts em capacidade instalada, enquanto a CTG Brasil opera 8,27 gigawatts em empreendimentos de geração.

A Engie Brasil Energia opera usinas que somam 9,4 gigawatts em capacidade, nos quais sua participação societária representa cerca de 7,7 gigawatts.

(Por Paula Arend Laier e Luciano Costa em São Paulo; reportagem adicional de Sérgio Gonçalves em Lisboa)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos