Bolsas

Câmbio

OMC detecta sinais de que tensões começam a conter comércio global

GENEBRA (Reuters) - As tensões comerciais podem estar começando a conter o comércio global de mercadorias, afirmou a Organização Mundial do Comércio (OMC) nesta quinta-feira ao divulgar um indicador que mostra crescimento acima da tendência neste trimestre mas em desaceleração.

O Indicador do Cenário de Comércio Mundial, publicado desde o terceiro trimestre de 2016, mostrou uma leitura de 101,8 contra 102,3 em fevereiro.

"A recente queda reflete os declínios nos índices para pedidos de exportação em particular, mas também para o frete aéreo, o que pode estar ligado à crescente incerteza econômica devido ao aumento das tensões comerciais", disse a OMC em comunicado.

O órgão previu em abril que o comércio de bens cresceria 4,4 por cento neste ano, após uma década com média de 3 por cento, mas alertou que o crescimento pode ser prejudicado se os governos recorrerem a políticas restritivas e a uma disputa retaliatória.

O índice da OMC inclui sete componentes que servem como indicadores antecedentes do comércio. Um deles, pedidos de exportação, caíram para 98,1, abaixo da tendência, ante uma leitura de 102,8 em fevereiro.

A leitura para o frete aéreo também perdeu força nos últimos meses, enquanto o tráfego de contêineres em portos mostrou sinais de estabilização e as vendas de automóveis e matérias-primas agrícolas derrubaram a leitura geral, a 97,9 e 95,9, respectivamente, disse a OMC.

Mas o índice de componentes eletrônicos se recuperou para 104,2, de 94,1 em fevereiro.

(Por Tom Miles)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos