Topo

Renúncia de Pedro Parente é negativa para crédito da Petrobras, diz analista da Moody's

2018-06-01T16:03:12

01/06/2018 16h03

SÃO PAULO (Reuters) - A saída de Pedro Parente do comando da Petrobras é negativa para o perfil de crédito da empresa, disse nesta sexta-feira a analista sênior da Moody's Nymia Almeida.

Pedro Parente, considerado responsável pela melhora nos indicadores financeiros da Petrobras, pediu demissão pela manhã, em meio a uma polêmica sobre a política de preços da estatal.

"Saída de Parente pode indicar que a tendência de melhoras nas políticas financeiras da Petrobras esteja comprometida", disse Nymia Almeida, em comentário enviado à Reuters.

(Reportagem de Carolina Mandl)

Mais Economia