Topo

Consulta da ANP sobre combustíveis foi correta e não há intervenção, diz Guardia

07/06/2018 11h53

BRASÍLIA (Reuters) - O ministro da Fazenda, Eduardo Guardia, afirmou nesta quinta-feira que a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) tomou uma atitude correta ao abrir uma consulta pública sobre a periodicidade do repasse de preços de combustíveis para o consumidor.

Segundo ele, a decisão da agência reguladora não representa uma intervenção do governo no setor.

(Por Mateus Maia)

Mais Economia