ipca
0,48 Set.2018
selic
6,5 19.Set.2018
Topo

França prepara termos legais para venda de fatias na Engie e em aeroportos

12/06/2018 16h17

PARIS (Reuters) - O governo francês abrirá caminho com uma nova lei empresarial para vender sua participação no grupo de energia Engie, na empresa operadora dos aeroportos de Paris ADP e no monopólio de loterias FDJ, disse o Ministério das Finanças da França nesta terça-feira.

Um projeto a ser apresentado na segunda-feira irá suspender limites existentes sobre o quanto o governo pode reduzir sua participação assim que se tornar lei, o que não deve acontecer antes de 2019, disse uma autoridade do ministério em condição de anonimato.

O governo desenhou planos no ano passado para vender ações corporativas para financiar um fundo de 10 bilhões de euros que deve gerar renda para investir em projetos de inovação.

O plano já incluí as ações estatais na elétrica EDF e no grupo de defesa Thales, assim como os resultados das vendas de participação na Engie e na montadora Renault no ano passado.

A nova lei empresarial permitirá que o governo reduza seus diretos de voto na Engie para menos de 33 por cento. Atualmente, o direito a voto do governo na companhia está dentro desse limite, enquanto a fatia total na companhia representa 24,1 por cento.

Mas o governo irá manter uma "golden share" na Engie, o que permitirá poder de veto à venda de qualquer ativo que seja considerado de interesse estratégico nacional, disse o ministério.

(Por Leigh Thomas, Yann Le Guernigou e Myriam Rivet)

Newsletters

Receba dicas para investir e fazer o seu dinheiro render.

Quero receber

Mais Economia