ipca
0,45 Out.2018
selic
6,5 31.Out.2018
Topo

Natura está confiante sobre 4º tri, espera melhora em fluxo de caixa

09/11/2018 14h57

Por Gabriela Mello

SÃO PAULO (Reuters) - A Natura está confiante em relação ao quarto trimestre, com expectativa de melhora no fluxo de caixa, disseram nesta sexta-feira executivos da fabricante de cosméticos em teleconferência com analistas sobre os resultados do terceiro trimestre.

Na véspera, a empresa divulgou um lucro líquido consolidado de 132,8 milhões de reais no terceiro trimestre, mais que dobro do resultado apurado um ano antes, com despesas financeiras menores e firme resultado operacional.

Especificamente sobre a The Body Shop, adquirida da francesa L'Oreal no ano passado, as entregas de produtos aos franqueados estão dentro do prazo e a redução de descontos em lojas não deve afetar negativamente as vendas, segundo David Boynton, presidente da marca britânica.

"Não houve impacto negativo no volume de transações, mas mudamos a maneira como as vendedoras apresentam o produto", afirmou Boynton.

No caso da Natura, o diretor-presidente João Paulo Brotto Gonçalves Ferreira destacou que a companhia planeja acelerar a abordagem multicanal das lojas no próximo ano, tendo um número maior de consultoras utilizando plataformas móveis. Segundo ele, a base de consultoras vem crescendo sequencialmente, mas a Natura prevê estabilização mediante o aumento da produtividade.

Por volta das 14:50, as ações da Natura saltavam mais de 7 por cento, a 35,25 reais, liderando a lista de melhores desempenhos do Ibovespa, que cedia 1,44 por cento. Em 2018, os papéis da fabricante de cosméticos têm alta de quase 8 por cento.

Em relatório a clientes, analistas do BTG Pactual disseram que os resultados trimestrais da Natura "definitivamente iluminaram as perspectivas" da companhia, com "desempenho sólido em todas as divisões, incluindo números resilientes na operação brasileira".

Mais Economia