PUBLICIDADE
IPCA
1,16 Set.2021
Topo

Japão diz que vai implementar medidas flexíveis se riscos econômicos se materializarem

11/06/2019 09h25

Por Takaya Yamaguchi e Stanley White

TÓQUIO (Reuters) - O governo do Japão vai elevar o imposto sobre vendas como planejado em outubro, enquanto se prepara para adotar medidas macroeconômicas flexíveis em caso de os riscos à economia se materializarem, mostrou um documento divulgado pelo governo nesta terça-feira.

O documento, que será formalmente endossado pelo gabinete do primeiro-ministro, Shinzo Abe, neste mês, também disse que o governo tornará disponíveis "todas as ferramentas" para ajudar a terceira maior economia do mundo a sustentar a tendência de recuperação.

"Afirmamos claramente que não iremos hesitar em reagir se houver riscos às perspectivas econômicas", disse nesta terça-feira o ministro da Economia, Toshimitsu Motegi.

A orientação de meio de ano destaca o equilíbrio que o governo de Abe precisa ter entre alcançar o crescimento e a reforma fiscal, em um momento que a intensificação da guerra comercial entre Estados Unidos e China e a desaceleração global ameaçam tirar dos trilhos a economia japonesa.

"Precisamos observar de perto os acontecimentos externos, incluindo questões comerciais, com as exportações e a produção mostrando fraqueza apesar de uma gradual recuperação vista na economia do Japão", apontou o documento.

PUBLICIDADE