IPCA
0.11 Ago.2019
Topo

Trump não tomará medidas contra chairman do Fed, diz assessor da Casa Branca

18/06/2019 13h37

WASHINGTON (Reuters) - O assessor econômico da Casa Branca, Larry Kudlow, disse nesta terça-feira que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, não está considerando mudar o status do chairman do Fed, Jerome Powell, após notícias de que a Casa Branca havia explorado a possibilidade de rebaixá-lo.

Kudlow conversou com repórteres na Casa Branca antes da reunião do Federal Reserve dos EUA nesta semana, em meio à crescente pressão do presidente republicano para cortar a taxa de juros. A expectativa é que o Fed deixe os juros inalterados, mas o banco central pode abrir caminho para um corte ainda este ano.

"O Fed é independente. Eles vão agir em seu próprio tempo, à sua maneira", disse Kudlow.

Citando pessoas familiarizadas com o assunto, a Bloomberg News informou nesta terça-feira que a Casa Branca avaliou a legalidade de rebaixar Powell em fevereiro, logo depois que Trump discutir a demissão do chairman do Fed.

Kudlow disse a repórteres que a Casa Branca não estava considerando rebaixar Powell agora, mas se recusou a comentar se tal ação havia sido considerada anteriormente.

(Por Jeff Mason)

Mais Economia