Topo

Cotações


Índices da China recuam com menor expectativa por corte de juros nos EUA

08/07/2019 07h39

XANGAI (Reuters) - Os mercados acionários chineses recuaram nesta segunda-feira, com o índice de Xangai registrando a maior perda diária em mais de dois meses, conforme os investidores reduziram as expectativas de fortes cortes de juros nos Estados Unidos.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, terminou com queda de 2,32%, recuo mais forte desde 17 de maio, enquanto o índice de Xangai caiu 2,58%, na maior perda diária desde 6 de maio.

O subíndice do setor financeiro caiu 2,21%, o de consumo perdeu 1,19%, o índice imobiliário teve queda de 1,89% e o de saúde perdeu 1,94%.

A fraqueza nesta segunda-feira esteve relacionada aos novos dados de criação de vagas de trabalho nos EUA, disse Cao Xuefeng, chefe de pesquisa da Huaxi Securities

"Os dados de trabalho dos EUA não foram ruins, e reduziu a probabilidade de que o Fed corte os juros em julho", disse ele. Alguns analistas acreditam que a China pode seguir o Fed e cortar a taxa de juros em julho.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 0,98%, a 21.534 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 1,54%, a 28.331 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 2,58%, a 2.933 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 2,32%, a 3.802 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve desvalorização de 2,20%, a 2.064 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou baixa de 0,32%, a 10.751 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES desvalorizou-se 0,97%, a 3.334 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 recuou 1,17%, a 6.672 pontos.

(Reportagem de Andrew Galbraith)

Cotações