Topo

Preços ao produtor na China ficam estáveis em junho e alimentam preocupações

10/07/2019 07h34

Por Stella Qiu e Kevin Yao

PEQUIM (Reuters) - Os preços ao produtor na China ficaram estáveis em junho devido aos preços mais baixos de petróleo e à demanda global fraca, alimentando preocupações de que a desaceleração da indústria devido à guerra comercial vai pesar mais sobre o crescimento.

O índice de preços ao produtor ficou estável em junho sobre o ano anterior, informou nesta quarta-feira a Agência Nacional de Estatísticas, ante expectativa de economistas de avanço de 0,3% em pesquisa da Reuters. Em maio, o índice registrou alta de 0,6%.

A leitura de junho foi a mais baixa desde agosto de 2016, última vez em que o índice caiu na comparação anual.

Por outro lado, a alta dos preços ao consumidor na base anual igualou a máxima de 15 meses vista em maio uma vez que a escassez de oferta provocada pela febre suína africana e por condições climáticas extremas continuaram a elevar os preços de carne de porco e frutas.

O índice de preços ao consumidor avançou em junho 2,7% na comparação com o ano anterior, devido aos preços mais altos dos alimentos. As frutas saltaram 42,7% e a carne suína subiu 21,1% na base anual.

Analistas consultados pela Reuters projetavam alta de 2,7% nos preços ao consumidor, igualando a taxa de maio.

Mais Economia