Topo

Trump defende posição comercial contra China após anúncio de novas tarifas

03/08/2019 13h12

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse neste sábado que a situação está progredindo bem com a China, insistindo que os consumidores norte-americanos não estão pagando impostos de importação sobre os produtos chineses, embora os economistas digam sim.

"As coisas estão indo muito bem com a China. Eles estão nos pagando dezenas de bilhões de dólares, o que tem sido possível graças às suas desvalorizações monetárias e à injeção de enormes quantidades de dinheiro para manter o seu sistema. Até agora, nosso consumidor não está pagando nada, e não há inflação. Sem ajuda do Fed!", disse Trump em sua conta no Twitter.

Trump decidiu na quinta-feira aplicar tarifas de 10% para importações chinesas no valor de 300 bilhões de dólares, surpreendendo mercados financeiros e terminando a uma trégua comercial que durava um mês. A China prometeu que se defender.

As tarifas destinam-se a tornar os produtos importados mais caros para impulsionar os produtores domésticos, a menos que os exportadores internacionais reduzam os preços. Mas não há evidências de que a China esteja reduzindo os valores para se adaptar às tarifas de Trump.

Economia