IPCA
-0.04 Set.2019
Topo

Índices da China fecham em alta; dados fracos contêm ganhos

14/08/2019 08h51

XANGAI (Reuters) - Os índices acionários da China fecharam em alta nesta quarta-feira após o alívio dos Estados Unidos na questão tarifária, mas devolveram grande parte dos ganhos iniciais uma vez que dados fracos reacenderam as preocupações sobre a economia do país.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, subiu 0,45%, enquanto o índice de Xangai teve alta de 0,42%.

O CSI300 e o SSEC chegaram a subir 1,4% e 1,2%, respectivamente no dia.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, abrandou seu plano de impor tarifa de 10% sobre o restante de importações chinesas, que começaria a valer em 1º de setembro, postergando a aplicação das alíquotas sobre celulares, laptops e vários outros bens de consumo na esperança de diminuir o impacto na temporada de compras de fim de ano.

Por sua vez, a China divulgou uma série de dados fracos inesperados para julho nesta quarta-feira, incluindo a produção industrial na mínima de mais de 17 anos.

A atividade na China continua a esfriar apesar de uma série de medidas ao longo do último ano, levantando dúvidas sobre se seria necessário um estímulo mais rápido, mesmo que isso possa levar ao aumento da dívida.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 0,98%, a 20.655 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 0,08%, a 25.302 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 0,42%, a 2.808 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, avançou 0,45%, a 3.682 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve valorização de 0,65%, a 1.938 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou alta de 0,63%, a 10.427 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES valorizou-se 0,03%, a 3.147 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 avançou 0,42%, a 6.595 pontos.

Mais Economia