PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Exportações mais fracas pesam, e economia alemã tem contração no 2º tri

Angela Merkel, chanceler da Alemanha - Brendan Smialowski / AFP
Angela Merkel, chanceler da Alemanha Imagem: Brendan Smialowski / AFP

Michael Nienaber

27/08/2019 07h34

A economia da Alemanha contraiu no segundo trimestre diante das exportações mais fracas, mostraram dados detalhados hoje, destacando as consequências da disputa comercial e enfraquecimento da demanda externa.

A Agência Federal de Estatísticas confirmou a contração de 0,1% do Produto Interno Bruto (PIB) no segundo trimestre em relação ao período anterior, após expansão de 0,4% nos três primeiros meses do ano.

As perspectivas para a economia alemã são incertas já que os indicadores de confiança apontam para problemas à frente e a maioria dos economistas espera outro trimestre de contração, resultando em uma recessão técnica.

As exportações caíram com mais força que as importações no segundo trimestre, o que significa que o comércio deduziu 0,5 ponto percentual da expansão econômica geral.

O investimento em construção também pesou, caindo 1,0% no trimestre.

Os gastos das famílias, do governo e o investimento do setor privado em maquinário e equipamentos aumentaram, mas não o suficiente para conter o peso do comércio.

O crescimento na base anual ajustado ao calendário enfraqueceu para 0,4% no segundo trimestre, de 0,9% no primeiro.