PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Bolsas da Europa fecham difícil agosto em tom positivo

30/08/2019 14h21

Por Medha Singh e Agamoni Ghosh

(Reuters) - As ações europeias atingiram novas máximas em um mês nesta sexta-feira, encerrando um brutal agosto com um tom positivo, já que os investidores ficaram aliviados com a disposição de Estados Unidos e China de voltarem às negociações comerciais.

O índice FTSEurofirst 300 subiu 0,73%, a 1.493 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 ganhou 0,73%, a 379 pontos, atingindo seu nível mais alto desde 2 de agosto, estendendo os ganhos do dia anterior.

Setores sensíveis às questões tarifárias subiram nesta sessão. O índice que acompanha empresas de commodities teve alta de 2,5%, as montadoras avançaram 1%, e o setor de tecnologia ganhou 0,9%.

"A situação comercial ainda é tensa, mas, enquanto isso, os operadores estão felizes em voltar a comprar nas bolsas", disse David Madden, analista da CMC Markets.

O FTMIB da Itália, índice com melhor desempenho entre os da zona do euro em agosto, por pouco não conseguiu registrar ganho mensal, depois que o Movimento 5 Estrelas surpreendeu seu potencial parceiro de coalizão, o Partido Democrata (PD), com termos difíceis para um acordo.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,32%, a 7.207 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 0,85%, a 11.939 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 0,56%, a 5.480 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 0,35%, a 21.322 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 0,21%, a 8.812 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 1,54%, a 4.887 pontos.