IPCA
0,1 Out.2019
Topo

Dólar cai contra o real em dia de cena externa mais otimista

17/10/2019 09h06

Por Stefani Inouye

SÃO PAULO (Reuters) - O dólar operava em queda contra o real nesta quinta-feira, em dia em geral de fraqueza da moeda norte-americana no exterior, com agentes do mercado ainda reagindo ao anúncio de um acordo do Brexit entre o Reino Unido e a União Europeia.

Às 10:26, o dólar recuava 0,61%, a 4,1287 reais na venda.

Neste pregão, o dólar futuro tinha queda de 0,53%, a 4,133 reais.

O dia, no entanto, era marcado por certa volatilidade, com a moeda norte-americana tendo tocado o nível de 4,1659 reais na máxima intradia.

Para o economista-chefe da Geral Investimentos, Denilson Alencastro, o movimento de oscilação do dólar se deve ao fato de a sessão não ter a atuação de um grande fator de direcionamento de mercado, apesar de certo otimismo em relação ao Brexit.

"Os investidores estão à espera de um grande 'driver'. O mercado está usando a notícia do Brexit como justificativa para as movimentações, mas não acredito que a notícia seja forte o suficiente para guiar a moeda pelo restante da sessão", afirmou Alencastro.

Nesta quinta-feira, o Reino Unido fechou um acordo de última hora sobre a separação da União Europeia, mas ainda enfrenta o desafio de conseguir que o texto seja aprovado pelo Parlamento britânico.

Johnson agora precisa obter a aprovação do acordo em uma votação a ser realizada em uma sessão extraordinária do Parlamento no sábado para abrir caminho para uma saída organizada em 31 de outubro.

As moeda emergentes pares do real, como rand sul-africano e peso mexicano, também se valorizavam frente ao dólar, enquanto o índice do dólar contra uma cesta de moedas tinha queda de 0,24%, a 97,779.

Na cena doméstica, investidores também se mantêm atentos ao julgamento que pode rever a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre o início de cumprimento da pena após a condenação em segunda instância nesta quinta-feira.

Nesta sessão, o BC vendeu todos os 525 milhões de dólares em moeda spot ofertados, e 10.500 contratos de swap cambial reverso (oferta de 10.500 contratos).

Economia