PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

Estoque de petróleo dos EUA tem forte queda, aponta AIE; preços ampliam ganhos

03/01/2020 13h50

(Reuters) - Os estoques de petróleo dos Estados Unidos recuaram acentuadamente na semana encerrada em 27 de dezembro, enquanto as reservas de gasolina e derivados da commodity no país avançaram, disse a Administração de Informação de Energia (AIE) nesta sexta-feira.

Os estoques de petróleo bruto registraram diminuição de 11,5 milhões de barris no período, chegando a 429,9 milhões de barris. O mercado esperava um recuo de 3,3 milhões de barris, de acordo com pesquisa realizada pela Reuters com analistas.

Enquanto isso, os estoques de petróleo em Cushing, Oklahoma, o ponto de entrega do produto norte-americano, cederam 1,4 milhão de barris na semana passada, apontou a AIE.

As operações das refinarias no país tiveram avanço de 303 mil barris no período, ainda de acordo com a AIE. Já as taxas de utilização pelas refinarias saltaram 1,2 ponto percentual.

Os estoques de gasolina dos EUA avançaram em 3,2 milhões de barris, para 242,5 milhões de barris, ante expectativa de analistas de um aumento de 1,8 milhão de barris.

Já as reservas de derivados, o que inclui diesel e óleo para aquecimento, registraram ganho de 8,8 milhões de barris na semana, totalizando 133,7 milhões de barris, versus avanço de 1,1 milhão de barris esperado pelo mercado.

As importações líquidas de petróleo pelos EUA recuaram em 1,52 milhão de barris no período, acrescentou a AIE.

Diante das informações de estoque, os contratos futuros do petróleo ampliaram ganhos na sessão desta sexta-feira. As cotações da commodity já operavam em forte alta depois que um ataque aéreo dos EUA em Bagdá matou o chefe da força de elite iraniana Quds.

O petróleo Brent subia 2,42 dólar, ou 3,65%, a 68,67 dólares por barril, às 13:26 (horário de Brasília). O petróleo dos Estados Unidos avançava 2,13 dólar, ou 3,48%, a 63,31 dólares por barril.

(Por David Gaffen)