PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

United Airlines vê prejuízo de US$2,1 bi com impacto de coronavírus sobre América Latina

20/04/2020 17h39

Por Tracy Rucinski

CHICAGO, Estados Unidos (Reuters) - A United Airlines afirmou nesta segunda-feira que espera ter um prejuízo antes de impostos de 2,1 bilhões de dólares no primeiro trimestre, depois que a epidemia de coronavírus atingiu suas aspirações de crescimento na América Latina e fez a empresa buscar ajuda adicional de 4,5 bilhões de dólares junto ao governo norte-americano.

A United afirmou que a receita do primeiro trimestre deve mostrar queda de 17% sobre um ano antes, para 8 bilhões de dólares. A empresa estima que a perda de receita diária seja de 100 milhões de dólares.

Os resultados são preliminares e os números podem variar até a publicação do balanço, afirmou a companhia, sem citar a data da divulgação oficial de seus resultados.

Além dos 5 bilhões e dólares que vai receber do governo dos EUA para cobrir folha de pagamento até 30 de setembro, a United afirmou que espera conseguir financiamento de cerca de 4,5 bilhões de dólares junto ao Tesouro dos EUA com prazo de pagamento de até cinco anos.

O prejuízo estimado do primeiro trimestre inclui encargos de pouco mais de 1 bilhão de dólares, principalmente relacionados a uma provisão sobre investimento feito na companhia aérea colombiana Avianca Holdings como parte de seus planos para uma aliança maior na América Latina.