PUBLICIDADE
IPCA
0,26 Jun.2020
Topo

Medida do BC do Japão para compra de ações sinaliza apoio renovado

22/06/2020 09h03

Por Tomo Uetake

SYDNEY (Reuters) - As compras inesperadas no mercado de ações feitas pelo banco central do Japão na semana passada causaram algum estranhamento, mas a medida tranquilizou os investidores de que o Banco do Japão não tem planos imediatos de diminuir o apoio aos ativos em meio a preocupações mais profundas sobre uma segunda onda de coronavírus.

As compras de fundos negociados em bolsa na sexta-feira, parte do enorme programa de compra de ativos do banco central, marcaram uma aparente quebra no seu padrão de apoio amplamente conhecido.

Normalmente, o Banco do Japão compra ações japonesas quando o índice de referência Topix cai mais de 0,5% nas negociações da manhã. Mas, na sexta-feira, comprou fundos negociados em bolsa no valor de 100 bilhões de ienes (935 milhões de dólares), embora o Topix tenha caído apenas 0,34% até o meio do dia.

"O Banco do Japão tornou o padrão de compra mais flexível. Agora, faz um julgamento abrangente, levando em consideração vários fatores, incluindo os níveis do Nikkei e o spread de rendimento entre ações e títulos do governo", disse Shingo Ide, estrategista-chefe de ações do NLI Research Institute.

Economia