PUBLICIDADE
IPCA
-0,38 Mai.2020
Topo

Prorrogação do auxílio emergencial será oficialmente por 2 meses, mas com pagamento em fases, diz Guedes

30/06/2020 17h05

BRASÍLIA (Reuters) - O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou nesta terça-feira que a extensão do auxílio emergencial será oficialmente por dois meses de 600 reais, mas afirmou que o pagamento poderá ser feito em fases para que abarque um período maior.

"Isso é o que lei permite. Mas se nós tivermos, inclusive, percepção quanto à possível duração um pouco mais extensa ou não dessa crise, podemos perfeitamente pegar os dois pagamentos de 600, mas fasear de uma forma que você cubra três meses, é mais inteligente", disse ele, em cerimônia no Palácio do Planalto.

"Estávamos em 600, podemos fazer um pagamento de 500 no início do mês, 100 no final do mês com 300 logo depois. Ou seja, fica uma prestação de 500, outra de 400 logo depois e outra no fim do mês de 300. Você acaba cobrindo três meses com 500, 400, 300", acrescentou.

(Por Marcela Ayres)

Economia