PUBLICIDADE
IPCA
0,36 Jul.2020
Topo

Wall St sobe com dados da Gilead compensando temores com vírus; financeiras avançam

10/07/2020 17h16

Por Caroline Valetkevitch

(Reuters) - As ações dos Estados Unidos avançaram nesta sexta-feira conforme uma análise positiva do medicamento antiviral da Gilead Sciences Inc para tratar o Covid-19 acalmou as preocupações dos investidores com um aumento recorde de casos do coronavírus nos EUA.

O Nasdaq registrou sua sexta máxima recorde de fechamento em sete dias, mas o índice teve um desempenho inferior ao Dow Jones e ao S&P 500, em uma reversão da tendência recente.

O índice financeiro do S&P 500 subiu 3,5%, liderando os ganhos entre os setores e dando ao S&P 500 o seu maior impulso. As ações do Bank of America Corp valorizaram-se 5,5%, o Citigroup Inc saltou 6,5% e o JPMorgan Chase & Co subiu 5,5% antes da divulgação dos seus resultados financeiros na próxima semana, que marcarão o início da temporada de balanços do segundo trimestre.

Rob Haworth, estrategista sênior de investimentos do U.S. Bank Wealth Management em Seattle, disse que houve uma alternância "de vencedores para retardatários" nas operações desta sexta-feira, com a safra de balanços aproximando-se.

Os EUA registraram a maior elevação em um único dia de novas infecções pela Covid-19 globalmente pelo segundo dia consecutivo na quinta-feira, forçando os norte-americanos a adotarem novas precauções. Vários Estados já recuaram dos planos de reabertura.

O remdesivir da Gilead melhorou significativamente a recuperação clínica e reduziu o risco de morte em pacientes com Covid-19, mostraram dados adicionais de um estudo em estágio avançado. As ações da farmacêutica, que disse que a descoberta ainda exige confirmação em ensaios clínicos, subiram 2,2%.

"Isso meio que atenuou parte da preocupação que vem surgindo nos últimos dias com o aumento de casos do vírus nos Estados do sul", disse Charlie Ripley, estrategista sênior de investimentos da Allianz Investment Management em Minneapolis.

O Dow Jones subiu 1,44%, para 26.075,3 pontos, o S&P 500 ganhou 1,05%, para 3.185,04 pontos, e o Nasdaq valorizou-se 0,66%, para 10.617,44 pontos.

(Reportagem adicional de Medha Singh e C Nivedita em Bengaluru)