PUBLICIDADE
IPCA
0,36 Jul.2020
Topo

Ibovespa futuro avança com NY

14/07/2020 09h42

Por Paula Arend Laier

SÃO PAULO (Reuters) - O Ibovespa futuro com vencimento mais curto subia nos primeiros negócios desta terça-feira, em meio ao viés positivo dos futuros acionários norte-americanos e alta dos preços do minério de ferro na China, enquanto os contratos de petróleo recuavam.

Por volta de 9h25, o contrato do Ibovespa que vence em 12 de agosto tinha alta de 1,14%, a 99.445 pontos.

Na véspera, o Ibovespa à vista fechou em queda de mais de 1% e perdeu o patamar dos 100 mil pontos na segunda etapa do pregão seguindo a piora em Wall Street.

Nos Estados Unidos, os futuros acionários avançavam após lucro acima do esperado do JPMorgan melhorar o humor na primeira bateria de resultados de bancos, que se preparam para potencial onda de inadimplência por causa do coronavírus.

Os futuros do minério de ferro na China também subiam nesta terça-feira, em meio a um sentimento positivo no mercado quanto à recuperação econômica e com esperanças de melhora na demanda após a estação de chuvas.

Já os preços do petróleo recuavam por preocupações de que medidas de restrição à circulação possam ser impostas para conter casos de coronavírus nos Estados Unidos e na Ásia, o que impactaria a demanda por combustíveis justo em momento em que produtores da Opep+ se preparam para aumentar a oferta a partir de agosto.

No Brasil, o Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br), sinalizador do Produto Interno Bruto (PIB), registrou alta de 1,31% em maio na comparação com o mês anterior.