PUBLICIDADE
IPCA
0,36 Jul.2020
Topo

Ações de viagem impulsionam mercado acionário europeu com expectativas de vacina para covid-19

15/07/2020 13h48

O mercado acionário europeu fechou em uma máxima de mais de cinco semanas nesta quarta-feira, com as ações de viagem aproveitando a onda de otimismo após notícias de avanço no desenvolvimento de uma vacina para a Covid-19.

As ações de empresas do setor aéreo como IAG, Ryanair e Lufthansa subiram entre 9,7% e 10,7%, enquanto a operadora de cruzeiros Carnival Plc saltou 11,4%.

O índice de viagens e lazer subiu 6,1% e liderou os ganhos entre setores, mas ainda tem o pior desempenho na Europa este ano com queda de 33% já que a pandemia de coronavírus paraliou as viagens.

O índice FTSEurofirst 300 subiu 1,65%, a 1.456 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 ganhou 1,76%, a 374 pontos, fechando pouco abaixo de níveis vistos pela última vez no início de março.

As blue-chips da zona do euro subiram 1,7%, atingindo o nível mais alto desde 5 de março.

Investidores foram encorajados por um estudo em estágio inicial de uma vacina experimental pela norte-americana Moderna Inc, que provocou respostas imunológicas.

Já a AstraZeneca saltou 5,2% depois de informações de que notícias positivas sobre a potencial vacina da Universidade de Oxford que foi licensiada para a farmacêutica pode ser anunciada já na quinta-feira.

"Nosso cenário central é de que uma vacina estaria amplamente disponível a partir do segundo trimestre do próximo ano, ou quarto trimestre deste ano no nosso melhor cenário", disse Mark Haefele, diretor de investimento do UBS Global Wealth Management, a clientes.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 1,83%, a 6.292 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 1,84%, a 12.930 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 2,03%, a 5.108 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 2,02%, a 20.281 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 1,84%, a 7.487 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 desvalorizou-se 0,68%, a 4.419 pontos.

Cotações