PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

B2W aprova aumento de capital de R$4 bi a R$115 por papel

22/07/2020 08h58

Por Paula Arend Laier

SÃO PAULO (Reuters) - O conselho de administração da B2W aprovou na terça-feira aumento do capital de 4 bilhões de reais, para subscrição privada, a 115,00 reais por papel - quase sem desconto em relação à cotação do fechamento da véspera, de 119,23 reais.

De acordo com aviso a acionistas da empresa de comércio eletrônico, a operação permitirá a aceleração do plano estratégico de crescimento, incluindo eventuais aquisições estratégicas, mantendo o compromisso de geração de caixa.

O aumento prevê a emissão de 34.782.609 novas ações ordinárias e os acionistas terão o direito de exercer a preferência na subscrição das novas ações emitidas, na proporção de suas participações no dia 24 de julho.

O acionista titular de 1 ação de emissão da B2W no dia 24 de julho de 2020, terá o direito de subscrever 0,06628977891 (6,628977891%) ação no âmbito do aumento de capital.

O percentual de diluição para os acionistas que não subscreverem nenhuma ação será de 6,216863391%.

A Lojas Americanas, acionista controladora, comprometeu-se a exercer o direito de preferência para a subscrição das ações na proporção da sua participação, bem como subscrever um eventual saldo de ações não subscritas.

No último dia 14, a Lojas Americanas captou 7,87 bilhões de reais em oferta restrita de ações, com parte desses recursos prevista para capitalização da B2W.