PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

BCE amplia bloqueio de dividendos e alívio de capital para bancos da zona do euro

28/07/2020 08h48

FRANKFURT (Reuters) - O Banco Central Europeu ampliou nesta terça-feira uma recomendação aos bancos da zona do euro para que não paguem dividendos até o final do ano, e permitiu que eles façam uso de suas reservas de capital e liquidez por mais tempo, para ajudá-los a lidar com as consequências econômicas da pandemia de coronavírus.

O BCE disse que os bancos poderiam suportar uma segunda onda de infecções, mas pediu às autoridades que estejam prontas para intervir e evitar uma crise de crédito, possivelmente incluindo recapitalizações.

O principal supervisor da zona do euro ampliou a proibição sobre os dividendos e recompras de ações por dois meses até 1º de janeiro, e recomendou que os bancos "exerçam extrema moderação" com os bônus. O BCE analisará as decisões no quarto trimestre do ano.

O BCE também lhes permitiu quebrar sua reserva de liquidez exigida até o final do próximo ano e sua exigência de capital total por mais um ano.

"Todas as nossas medidas e ações de supervisão são e continuarão sendo destinadas a garantir que o setor bancário possa permanecer resiliente e apoiar a recuperação econômica com uma oferta adequada de crédito", disse o supervisor-chefe do BCE, Andrea Enria, em um post em blog sobre as decisões.