PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Opep+ adia próximo painel para 19 de agosto, dizem fontes

14/08/2020 15h14

LONDRES (Reuters) - Um painel ministerial da Opep+ para monitoramento do acordo de redução de oferta do grupo terá sua próxima reunião em 19 de agosto, um dia após a data inicialmente planejada, disseram três fontes da Opep+ nesta sexta-feira, sem fornecer detalhes sobre os motivos do adiamento.

O painel, chamado de Comitê Ministerial de Monitoramento Conjunto (JMMC, na sigla em inglês), assessora a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) e aliados --entre eles a Rússia--, que formam o grupo conhecido como Opep+.

A Opep+ tem reduzido o bombeamento da commodity desde maio, visando combater os efeitos da pandemia de Covid-19.

No mês passado, o JMMC recomendou que os cortes de oferta fossem flexibilizados para cerca de 7,7 milhões de barris por dia (bpd) a partir de 1º de agosto. Antes, a redução era de 9,7 milhões de bpd, em linha com um acordo anterior da Opep+. As mudanças passaram a ser implementadas neste mês.

O ministro de Energia da Rússia, Alexander Novak, disse na quinta-feira que não há propostas adicionais para alterar o acordo atual.

(Reportagem de Rania El Gamal, Ahmad Ghaddar e Alex Lawler)